Os Três Tesouros da Tradição Taoista

 

Na tradição taoísta, a vida é apoiada em três pilares principais, esses três pilares ou compostos são importantes para levar uma vida equilibrada e saudável. A tradução destes termos é muito vaga e todo mestre taoísta pode dar-lhe uma resposta ligeiramente diferente. Esta tradução aqui é a versão clássica do Qi, Jing e Shen.

Basicamente eles podem ser traduzidos como: Qi é construção de energia. Jing é uma economia de energia e Shen tem muito a ver com o nosso sistema nervoso e consciência.

Os mestres taoísta usam o conhecimento dos três tesouros para refinar sua própria vida e ajudar os outros, indicando seus problemas com a vida. Os três tesouros são princípios básicos para o diagnóstico na medicina tradicional chinesa. A interpretação real dos três tesouros pode ser entendida através da coleta de experiências e através da autoconsciência. Isso inclui treinamento Qi Gong, Tai Chi e Kung Fu e Alquimia Interna Taoista.

Qi (Vitalidade) Qi-compressor Qi

o primeiro Tesouro, é a energia que cria nossa vitalidade. Através da constante interação de Yin e Yang, a mudança é criada. Qi é a atividade de Yin e Yang. O movimento, o funcionamento e o pensamento são o resultado do Qi. A natureza do Qi é mudar. Os Três Tesouros incluem a Energia e o Sangue que nutrem e nos protegem.

Qi é produzido como resultado das funções dos pulmões e do baço. Portanto, os tônicos Qi fortalecem as funções digestivas, assimilativas e respiratórias. Quando Qi se condensa, torna-se Jing. O Qi de rápida mudança é considerado Yang enquanto o Qi em movimento lento é Yin.

No sistema dos Três Tesouros, o sangue é considerado parte do componente Qi de nosso ser. Afirmam que o sangue é produzido a partir dos alimentos ingeridos após o Qi ter sido extraído através da ação do Baço.

Afirmam que os glóbulos vermelhos são nutritivos e, portanto, estão associados ao Ying Qi (Yin), enquanto os glóbulos brancos são protetores e estão associados com Wei Qi (Yang). Os tônicos Qi geralmente tem uma potente atividade de modulação imune. Os tônicos Qi, compostos por tônicos de energia e / ou sangue, aumentam a nossa capacidade de funcionar de forma completa e adaptativa como seres humanos.

Jing (Essência) Jing-compressor Jing

é o segundo tesouro e é traduzido como “Essência Regenerativa”, ou simplesmente como “Essência”. Jing é a energia refinada do corpo. Ele fornece a base para toda a atividade e é a “raiz” de nossa vitalidade. Jing é a energia primordial da vida. Está intimamente associado ao nosso potencial genético e está associado ao processo de envelhecimento.

Jing é energia armazenada e fornece as reservas necessárias para se adaptar a todos os vários estresses encontrados na vida. Como Jing é energia concentrada, ela se manifesta materialmente. Jing também controla uma série de funções humanas primárias: os órgãos reprodutivos e suas várias substâncias e funções; O poder e a clareza da mente; E a integridade da estrutura física.

Jing, que é uma mistura de energia Yin e Yang, e é armazenada no “Rim”. Jing geralmente está associado aos hormônios das glândulas reprodutiva e adrenal, e Jing é a essência vital concentrada nos espermatozoides e óvulos. Considera-se extremamente difícil melhorar o Jing original após a concepção, embora não seja de todo difícil esvaziar e enfraquecer, e assim enfraquecer e encurtar a própria vida. A única maneira de fortalecer essa energia original é através de técnicas yoguis altamente sofisticadas, como as desenvolvidas pelos taoístas – a Alquimia Interna Taoista e pelo consumo de certas ervas tônicas potentes, conhecidas como tônicos Jing. Tonificar o Jing é manter níveis saudáveis de Jing pós-natal. Se o Jing pós-natal for mantido em níveis suficientes, o Jing pré-natal é usado muito mais devagar e o processo de envelhecimento é abrandado.

Quando o Jing é forte, vitalidade e juventude permanecem. Forte energia Jing nos Rins, de acordo com os chineses, levará a uma vida longa e vigorosa, enquanto uma perda de Jing resultará em degeneração física e mental e um encurtamento de sua vida. Jing é essencial para a vida e quando essa energia circula devagar e em níveis baixos, nossa força de vida é severamente diminuída e, assim, perdemos todo o poder para nos adaptar.

A quantidade de Essência determina tanto a nossa vida como a vitalidade final da nossa vida. O jing é queimado no corpo pela própria vida, mas principalmente por estresse crônico e agudo e maus hábitos, incluindo excesso de trabalho, emocional excessivo, abuso de substâncias, crônicas dor ou doença e excesso se relações sexuais (especialmente nos homens). Padrões menstruais excessivos, gravidez e parto podem resultar em um dreno dramático no Jing de uma mulher, especialmente em mulheres de meia idade.

Quando Jing está esgotado abaixo de um nível necessário para sobreviver, morremos. Eventualmente, todos ficam sem Jing e, assim, todos morrem (pelo menos fisicamente).

Shen (Espirito)

Shen é o terceiro tesouro. Shen é o Espírito Santo que dirige Qi. Também pode ser traduzido como nossa “consciência superior”. Este é, em última instância, o mais importante dos Três Tesouros porque reflete nossa natureza superior como seres humanos. Os mestres chineses dizem que Shen é o amor abrangente que reside no nosso “Coração”, um sistema de órgãos primários.

Shen é o resplendor espiritual de um ser humano e é o último e mais refinado nível de energia do universo. Shen não é considerado uma emoção, nem mesmo um estado mental. Ele preside as emoções e manifesta-se como compaixão abrangente e consciência não discriminatória e sem julgamento. Shen é expresso como amor, compaixão, gentileza, generosidade, aceitação, perdão e tolerância. Ele se manifesta como nossa sabedoria e nossa capacidade de ver todos os lados de todas as questões, nossa capacidade de nos elevar acima do mundo, certo e errado, bom e ruim, seu e meu, alto e baixo, e assim por diante.

Shen é o nosso maior conhecimento de que tudo é um, mesmo que a natureza se manifeste de forma dual e cíclica, muitas vezes obscurecendo nossa visão e criando ilusão. Nosso verdadeiro Espírito, que os chineses chamam de Shen, é a centelha da divindade que reside no coração de cada ser humano e se manifesta como amor, gentileza, compaixão, generosidade, entrega, tolerância, perdão, misericórdia, ternura e apreciação da beleza. É o Espírito de um ser humano como o mensageiro divino, o canal da vontade e do amor de Deus.

Shen é o propósito de todos os caminhos espirituais. É o desejo do Buda de acabar com o sofrimento e é o amor e a compaixão de Cristo … Shen se manifesta apenas quando o coração está aberto. Uma vez que o coração está aberto, Shen se manifesta como a luz que ilumina o caminho de um homem ou mulher na jornada da vida em direção ao objetivo espiritual e ao longo do caminho espiritual.

Nos intensivos de Alquimia Interna, podemos aprender as práticas que levam ao desenvolvimento saudável desses níveis de energia, e a recuperação total do JING, a energia primordial que uma vez regenerada muda nosso destino e nos liberta do mundo social e político em que vivemos.

Cada etapa das práticas vai abrindo e refinando os vasos maravilhosos por onde essas energias circulam. Uma vez desimpedidas em sua circulação, nossa saúde de fortalece, nossa mente se torna clara e os caminhos do Tao se revelam.

No ano de 1993, quando fui apresentada a essas práticas do sistema de Mantak Chia, eu estava com 45 anos, e com todos os níveis de energia extremamente baixo. Sentia dores por todo o corpo, e a medicina não conseguia diagnosticar o que estava acontecendo.

Percebia que ali, ou me preparava para morrer, ou algo magico deveria acontecer para me tirar daquele estado. Tendo estudado o I Ching desde os 20 anos, sabia que as consultas não poderiam me ajudar, tendo obtido como resposta que me encontrava em uma situação perigosa, e somente a Yoga Taoista poderia me afastar de um destino que hoje sei, seria a morte.

A ajuda veio pela lista do I Ching a qual pertencia e de um instrutor canadense, que ao me aceitar como sua aluna, me passou todos os segredos das práticas e com elas consegui reverter o estado terrível que em me encontrava.

Tendo recuperado meus níveis saudáveis dessas energias, hoje consigo ajudar as pessoas a administrarem com propriedade, esses três tesouros e reconquistarem sua independência física, emocional e espiritual cultivando o seu JING, seu QI e despertando as virtudes do SHEN!

Comecem já suas práticas e vejam os milagres que podem criar em suas vidas!

“O Tao está perto, mas os homens o procuram LONGE
O Tao é simples, mas os homens amam as dificuldades.”
Frase de um sábio anônimo da antiga China.